Seguidores

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Inversibilidade em Alta




" É muito difícil pensar nobremente quando tem que pensar

apenas em viver . " Jean-Jacques Rousseau



Tudo que vejo é simplesmente
o inverso do meu desejo
parece brincadeira repetir isso novamente
porque é mentira são as coisas que a gente sente.
E o que vejo você não sabe
mas todos querem enxergar,
enxergamos ao contrário e queremos o bem cada dia
Isso é mentira estamos trabalhando com a nossa hipocrisía
De uma maneira tão normal e o normal é o superficial
é quando esquecemos daquilo
que antes nunca tínhamos esquecido.
E Nesse momento você ver , o valor que podia trazer
e tem um alguém esperando
que você planeje um futuro diferente
Mas querem trasformar o meu espaço
no seu mesmo ambiente.
E fica difícil pensar nobremente , quando tem que pensar
apenas em viver
E fica difícil pensar em viver quando todos os dias
apenas sobreviver
Desviar de tudo que não queremos ver
o veneno é invisível
e a virtude morre antes de nascer .
Esse cheiro de perfume falso
que está constatado no seu ar é fácil de enganar
foi o livro da hipocrisía que te ensinou
tudo que não deveríamos ter aprendido,
a hipocrisía faz mal e a desobediência também mata.
E as coisas que você fala pode servir contra você
a moralidade é forçada e a expressão é proibida.
Tudo que vejo é simplesmente o inverso do meu desejo
parece brincadeira repetir isso novamente
porque a honestidade está morrendo em nossas mentes.
Mas a minha vista ainda não está poluída.

5 comentários:

Lia disse...

"Mas a minha vista ainda não está poluída."
E ouso dizer que nem ficará!

Vc gosta de Legião Urbana? " Podem até maltratar meu coração mais meu espírito ninguém vai conseguir quebrar!" pode ser uma coisa meio egocentrica, mas pessoa de sensibilidade que vivem a poesia horas por dia, são mais difíceis de se poluir com os sentimentos mesquinhos que povoam esse cotidiano sujo!

Lia disse...

comentando o comentário!

Acordei e fui direto por pc, ver se a minha mensagem "Je t'aime" havia chegado ao destino, bem ela chegou, quando continue olhando vi seu comentário! Pra dizer o mínimo o li 4 vezes, e ele está aberto nesse momento enquanto de respondo pra não esquecer o que tinha a te dizer!

pra começar: Obrigada! Foi muito importante, pq parece que vc captou a essência! Era dor, a dor da alma foi durante toda a semana, mas sinto lhe informar que eu estava mesmo com febre, ela volto a pouco, mas, agora, tá meio dificil escrever, e era fome da presença ausente de alguém e fome fisica, não ia conseguir fazer nada pra comer aquela hora! rsrs
olha que estou te sendo verdadeira!

respondendo sua pergunta, "Clocks" ia ser a música do Post ( no lugar onde tem " canção pra vc viver mais " do Pato fu)... quando li no seu comentário a parte do clocks fiquei surpresa! mas, não,a música do Coldplay é Yellow( Your skin
Oh yeah, your skin and bones,
Turn into something beautiful,
Do you know?
You know I love you so,)
eu sou tão pálida que sou amarela, foi uma música importante,e fala muito de mim, mas, todas deles servem, ouço todo dia, o moço do poema diz: _ vc ouve Coldplay mais que o saudável!
ele acha que Coldplay é meio down, mas eu adoro... simplesmente adoro!

Vc procurou legião urbana e me achou? Meu Deus, estou... de verdade, não sei dizer, eu amo o Renato, tem um texto no blog que eu escrevi que ele devia ter se casado comigo ( releve o fato dele eu ter 8 anos quando ele morreu) umas 9 vezes em meio ao texto! E sempre tem musica dele por lá, pq eu tb ouço legião todo dia... meu mp4 é cheio de musica deles, eles cantaram minha infancia( meu pai me salvou me colocando pra ouvi-los) minha adolescência e essa fase agora, e eu acho que ele ainda vai cantar a minha vida inteira!
Obrigada pelo comentário... foi lindo!
Ah, adoro o pequeno príncipe, é meu livro de cabeceira, tenho dois exemplares, um menorzinho que fica na bolsa e outra no criado-mudo! Amo, amo, amo!

Obrigada de novo!
Bjos!

Everson Russo disse...

Um belo dia pra ti amigo,,,abraços.s

Dois Rios disse...

Oi, Caio!

Seu texto é tão interessante quanto a propícia citação de Jean-Jacques Rousseau.

Penso que enxergar ao contrário é uma forma de nos defendermos dos malefícios que a vida nos impõe a cada dia. Inverter o mal em bem talvez seja uma maneira suave de sobreviver, ainda que seja ilusório.
===
Muito obrigada pela sua gentil visita. Não retribuí de imediato porque estava viajando.

Beijos,
Inês

Cema disse...

Oi, doce Caio...é magnífico a sua grande presença, essa essência que te conduz e reluz como o sol numa noite de inverno.Siga com a sua verdade intacta e terás ainda...grandes surprêsas à te abraçar.Muito carinho.