Seguidores

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

A Rotina do Poeta




O Poeta contempla aurora
Mas é somente meia hora
O poeta acordou cedo para trabalhar
Ingressou na condução depois de se alimentar.

Mas veja só
O poeta foi despedido
menos mal que foi consolado pelos seus eu-líricos
E ao chegar em casa , os bambinos esperam respostas
E percebes a responsabilidade que há em suas costas

Mas o poeta é vida
E da vida o poeta sempre tira o melhor
Embora todo melhor nasça do invisível
A virtude de se reerguer é algo plausível .

Mas ele cria situações de alegria em meio a treva
Compõe uma nova força e faz uma orquestra .
Disfarça a sua tristeza em seu interior
e dá sentido a frase o poeta é um fingidor

Mistura todas essas sensações no liquidificador
Resultando numa arte em seu supremo sabor
Alimentando assim toda sua família
Dizendo que esse trem bom enche a barriga
E de algum lugar do encanto dessas linhas
Sorri o " Poetinha " :

" Há que ser bem cortês sem cortesia
Doce e conciliador sem covardia
Saber ganhar dinheiro com poesia
Para viver um grande amor."

O Poeta sabe que a consequência vem depois
Pois existe algo na escrita mais valioso do que o feijão com arroz
É a verdade com que poeta trata e retrata a sua arte
Os amores e as críticas tem de vir com a rica sinceridade
Mesmo que seja uma sinceridade inventada
Uma vez que é da alma , a poesia é validade.

Cortaram a luz , porém a minha mente está iluminada
O aluguel está atrasado , porém o meu glossário é respeitado
lá vem uma tempestade , porém elogiaram a minha postagem
Transformar a noite em dia em harmonia com a poesia
Logo em seguida tentar dormi com ajuda do Maracujina
E entre problemas e feitos,
sonhar com a blogesfera pensando em um novo enredo .

E assim a vida vai ,
na rotina do poeta de brincar e se multiplicar
Assim o poeta jaz .

Comprar pão na padaria e ser cobrado pela dona Maria
a fazer um poema de quinze anos para a sua filha .
Veja só !
Pediu , logo não existo
Mas de repente posso pensar em fazer isto .

Bom dia , boa noite
O poeta é uma pessoa que torna-se sagrada em escrever a vida
A sua escrita é o patrimônio público que afetará outras vidas .
E a rotina dos seus dias
esconde em sua maioria a beleza da sua poesia
E quem lê nota a excelência das palavras musicalizadas
Mas não a sua rotina poetizada !


P.S : Referência exofórica ao Vinícius de Moraes ( Para viver um grande amor ) e Fernando Pessoa "Autopsicografia "













Autoria : Caio Fazolato
Imagem : Google

21 comentários:

Patrícia Pinna disse...

Boa noite, Caio. Muito bom o poema, mais uma vez a crítica falando mais alto, e o enfoque na essência do poeta em seu cotidiano. Você desenhou bem a personalidade do poeta frente às mazelas do dia a dia.
Tens talento para criar muito belamente, e sabes disso.
Todo poeta fica feliz em criar e ser reconhecido, é muito bom, com certeza.
Deixe o remédio para dormir, se acalmar de lado, o poeta não precisa disso, apenas das suas linhas, e de esperança.
Você não esquece o estado de coração, né?
Parabéns, tudo ficou ótimo, e as fotos perrfeitas.
Um beijo na alma, e fique na paz!
A crítica é o seu forte, e o faz com louvor, misturando elementos que fazem parte da vida de todo mortal.

Lolita dulce disse...

Olá, achei incrível nossos pontos em comum. É sempre bom descobrirmos novos amigos com quem possamos conversar e também tentar fazer a diferença.
Como você deve ter percebido sou louca por Italiano, mas principalmente por Russo, infelizmente com "fim" da URSS não se vê mais tantos professores de Russo.

Um beijo muito, muito grande e um lindo final de semana para você, querido.

MARILENE disse...

Assim é a vida, realmente. Nem sempre com poesia, mas não se deixa de fazer versos. Constrói-se com palavras no terreno da ilusão, mas o feijão com arroz não pode faltar.
Versando, mostrou o dia a dia, de forma bela, na crítica poética que toca a alma.

Bjs.

NOEMI disse...

Caio meu querido amigo.!!!!Voce continua voando lindo e alto nestes versos maravilhosos que fala da necessidade do homem não se acomodar frente as mazelas do nosso dia a dia...Num mundo anestesiado pelo consumo também fácil... sentir dá medo.Bela reflexão... a vida aos olhos do poeta...
Que abraça a fé e a esperança,
finca em solo fértil suas raízes.
Porque o poeta atormenta, faz pensar, exige raciocínios que não sejam rasos. E nos mostra: não há soluções fáceis.
Que tua alma possa sempre deixar escapulir luzes gostosas para o nosso coração enxergar muito mais a importância da poesia.
FICA EM PAZ.
bjs

Jorge Pimenta disse...

caio,
algures entre o pão com queijo e as luas famintas de estrelas reside a verdade do poeta. onde começa uma e acaba a outra, nem mesmo ele o sabe...
abraço!
p.s. texto brilhante, o teu: lúcido, esclarecido e esclarecedor.

Everson Russo disse...

A rotina do poeta é se atentar a todos os segundos da vida, todas as cores, todas as dores e todos os amores...abraços de bom final de semana pra ti meu amigo.

Patrícia Pinna disse...

Amor, deve ter feito um S.A com esse elogio do Jorge!
Fiquei muito feliz por você, como sempre fico, a cada seguidor que ganhas.
Amigo é sempre bom, e todos eles são pessoas e poetas maravilhosos!
Você de fato é um talento!
Um beijo, e vem logo!

Eloah disse...

Esta é a nossa vida... entre a ilusão , os sonhos que juntam as palavras e a sobrevivência que nos levam a razão.Mais é esta junção de razão e emoção que enfeitam a nossa alma e dão a vida o colorido esperado.Belo poema.Amei.Bjs Eloah

Rita Freitas disse...

Isto é que é ser poeta.. :)
Gostei muito.
Abraço

。♥ Smareis ♥。 disse...

Gostei da viagem dia-a-a dia do poeta,palavreando com uma louvável maestria.A melhor coisa da vida é a simplicidade, e nessa simplicidade não pode faltar o arroz com feijão, e nem os versos pra acalmar nossa alma.A vida é tão maravilhosa porque ela nos compensa com ela mesma. Parabéns amigo.
ótima semana.
Obrigada pelo comentário inteligente que me deixaste.

Pena disse...

Notável e Estimado Amigo:
O seu texto é muito belo e sensível.
Todos os poetas são fingidores.
Talvez, escondam a sua dor e o seu sofrimento quando escrevem ou concebem a poesia.
A vida é preciosa e, tal como os poetas, você brilha e maravilha.
Abraço amigo ao seu talento e magia como concebe os seus extraordinários e fabulosos textos admiráveis.
Abraço amigo de respeito pelo ser genial que é e significa.
Sempre a estimá-lo imenso.
Agradecido pela beleza das palavras expresssas no meu blogue que para mim são uma honra.

pena

Everson Russo disse...

Um belo dia pra ti meu amigo...abraços fraternos.

Flávia disse...

Oi, Caio!

Muito obrigada pela visita ao meu espaço. Seja muito bem vindo.

Poesia tem dessas rimas improváveis. E é incrível a capacidade de alguns seres humanos permanecerem conectados a ela mesmo diante de tudo o que seu poema descreveu. Acredito que esses sim, são os verdadeiros poetas.

Um beijo.

Everson Russo disse...

Um belo dia pra ti meu amigo...abraços.

SOL da Esteva disse...

Caio

Um Poema a esventrar,a pôr a nu, as realidades da Vida.
Poeta, é-se por inspiração; ser Poeta, não é ter-se Profissão que encha a barriga.
Poeta é ter sentimentos e pô-los em palavras.
Gostei do teu grito.

Abraços

SOL
http://acordarsonhando.blogspot.com/

Elen Abreu disse...

Olá gostaria de dizer que adorei a sugestão de blog que você me mandou...o da Patrícia.Já estou seguindo,uma pena que não consegui comentar no dela...outra hora volto e tento de novo.Fiquei curiosa para conhecer seu cantinho também e já estou aqui te seguindo.
Um grande beijo;*

Evanir disse...

Bom Dia Meu Amigo.
Hoje você é o meu brasileiro homenageado no meu blog.
Vim aqui na madrugada escolhi a pureza do seu coração para postar no meu blog.
Não conhecia esse essa postagem sua para mim com valor imenso .
Espero que goste da minha escolha como eu gostei quis levar comigo a pureza da criança que existe em cada um de nós .
Um dia lindo pra ti.
Um beijos.
Evanir.

。♥ Smareis ♥。 disse...

Grande semana pra ti poeta. Abraços!

Evanir disse...

Bom Dia Querido Amigo.
Foi com muito carinho que postei seu poema no meu blog.
Fiquei por muito tempo aqui para escolher tudo que você escreve tem sentido e devido valor para mim.
Eu ao escolher seu poema não foi pelo tamanho e sim pelo conteúdo muitas vezes muitas pessoas não entende o sentido quando lê um poema.
Foi escolhido com carinho alma e coração tenha certeza disso .
Eu não sou escritora nem mesmo poeta mais uma coisa eu tenho certeza tenho sentimento profundo ao escolher alguma coisa a postar no meu blog.
Quer algo mais lindo que um poema dedicado a uma criança?
È sublime lindo e acima de tudo Divino.
Eu ao longo de um ano homenageando pessoas linda amigas como você não havia percebido que você um amigo tão especial ainda não tinha homenageado você.
Querido tenha certeza agora vou me lembrar de você muitas vezes .
Uma pessoa simples e humilde de coração e de alma é assim que vejo você meu amigo.
Algo me entristeceu muito na postagem que fiz no dia de ontem.
Como sou uma pessoa que aceito elogio e criticas desde que seja construtiva para minha evolução são sempre bem vindas.
Gostaria muito que você pegasse o mimo de homenageado e o link do meu blog.
De todo coração agradeço as lindas palavras deixadas nos comentários.
E essa homenagem venha selar nossa amizade pra sempre.
Um dia lindo e especial para você.
Beijos ternos e carinhosos.
Evanir..

Nilson Barcelli disse...

É a vida...
O poeta também é pessoa e, por isso, sofre como as outras (ou mais, dada a sua sensibilidade apurada...).
Gostei do poema.
Um abraço, caro amigo.

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, poeta amado. Acabei de postar na lan com um estresse que você nem imagina.
Um beijo na alma, e mande sms para mim!
Te amo!